Está a utilizar um navegador não suportado.
Algumas funcionalidades deste site podem não funcionar corretamente. Para optimizar a sua experiência, visualize este site no Chrome, Firefox, Safari ou Edge.

SARS-CoV-2

Informação sobre o teste
Início / Testes / Doenças infeciosas críticas / Xpert MTB/XDR

Xpert® MTB/XDR

Vá para além de testar apenas a resistência à isoniazida (INH) e detete a resistência a 6 fármacos utilizados para o tratamento da TB num único teste em <90 min

Xpert<sup>®</sup> MTB/XDR

A necessidade


A tuberculose (TB) resistente a antibióticos continua a ser uma crise de saúde pública em todo o mundo

A estratégia “End TB” da OMS apela à utilização universal de testes de suscetibilidade a fármacos (DST).1 No entanto, apenas 39% dos 448 000 casos incidentes multirresistentes (MDR) estimados em 2018 foram notificados e só 32% desses casos foram incluídos em tratamento.2 Em 2017, de entre os casos de TB MDR ou resistente à rifampicina (RR), apenas 50% foram testados para resistência às fluoroquinolonas e agentes injetáveis de segunda linha.3

Simultaneamente, a OMS está a divulgar novas evidências e orientações sobre o tratamento da tuberculose resistente a fármacos, defendendo a utilização de novos regimes de fármacos orais que requerem DST.4,5 Do mesmo modo, a incidência crescente de monorresistência à isoniazida nos casos de TB exige testes de diagnóstico moleculares fiáveis.6

Contudo, até agora, os únicos testes moleculares recomendados pela OMS para DST moleculares requerem uma carga bacteriana elevada na amostra, equipamento laboratorial especializado, profissionais com a devida formação2 e muito tempo até ao resultado.

A solução


O mundo precisa de DST moleculares rápidos que consigam detetar a resistência aos fármacos de primeira e segunda linha mais comuns, através de uma abordagem que não exija competências sofisticadas ou equipamento laboratorial sofisticado.6

O teste ideal apoiaria os prestadores de cuidados de saúde garantindo a mesma qualidade de resultados dos testes ao nível de um laboratório de referência, bem como em centros de saúde descentralizados, permitindo o acesso de mais doentes a cuidados adequados.

O Xpert MTB/XDR possibilita DST moleculares rápidos. Juntamente com o teste de primeira linha Xpert MTB/RIF Ultra, o Xpert MTB/XDR estabelece novos padrões através da deteção num único teste de mutações associadas à resistência, à isoniazida (INH), às fluoroquinolonas (FLQ), a antibióticos injetáveis de segunda linha (SLID) (amicacina, canamicina e capreomicina) e à etionamida (ETH).

  • Menos tempo até ao resultado para DST moleculares
  • Resultados em menos de 90 minutos
  • O mesmo processo fácil de utilizar do Xpert MTB/RIF Ultra
  • Execução nas plataformas GeneXpert® existentes equipadas com módulos de 10 cores

O impacto


O controlo eficaz da TB e da TB MDR depende de um diagnóstico precoce, que inclui DST universais, e do tratamento eficaz de estirpes de TB resistentes. Os DST moleculares rápidos, seguidos pelo início rápido de regimes de tratamento adequados, têm benefícios tanto individualmente como para a comunidade onde o doente reside. Para evitar atrasos no diagnóstico, devem obter-se DST moleculares para deteção rápida de mutações associadas a resistência, enquanto se aguardam o resultado de DST fenotípico para ajustar o tratamento, se necessário.

Impacto no doente 

  • Resultados de DST rápidos e exatos quando são mais necessários
  • Possibilidade de testar e iniciar o tratamento para TB resistente a fármacos numa única visita
  • Ajuste do tratamento tão precocemente quanto possível, para reduzir o impacto na perda de rendimentos e melhorar o resultado do doente

Impacto potencial do programa de TB 

  • Resultados de teste exatos e rápidos para TB resistente a fármacos
  • Disponibilização de regimes de tratamento adequados para mais doentes
  • Potenciação da capacidade do GeneXpert® para mais testes de resistência a fármacos
     

 

(1) WHO End TB Strategy, https://www.who.int/tb/post2015_strategy/en/ (2) WHO. Global Tuberculosis Report 2019. www.who.int/tb/publications/global_report
(3) WHO. Global Tuberculosis Report 2018. https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/274453/9789241565646-eng.pdf
(4) WHO. Rapid Communication: Key changes to treatment of multidrug- and rifampicin-resistant tuberculosis. August 2018. https://www.who.int/tb/publications/2018/WHO_RapidCommunicationMDRTB.pdf
(5) Sulis G et al., Isoniazid-resistant tuberculosis: A problem we can no longer ignore. PLoS Med. 2020 Jan 21;17(1):e1003023.
(6) OMS. High-priority target product profiles for new tuberculosis diagnostics: report of a consensus meeting. 2014
(7) WHO, 2019, Rapid Communication: Key changes to the treatment of drug-resistant tuberculosis
(8) Xpert MTB-XDR ENGLISH Package Insert 302-3514 Rev A 

 

Informações para encomendas


Xpert® MTB/XDR

Número de testes: 10

N.º de catálogo: GXMTB/XDR-10

Ter um impacto positivo, juntos.

Voltar ao topo
Powered by Translations.com GlobalLink OneLink SoftwarePowered By OneLink